Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

28/05/10

Arte ao virar da esquina

Então, aconteceu isto.



Uma intervenção artística de proporções épicas (um mural, pronto), que tomou conta da fachada de três prédios devolutos na zona de Picoas, em Lisboa.
Imagem: combinação de duas fotografias (ampliar).

 


Segundo o Ípsilon, os artistas são os irmãos brasileiros Os Gémeos, o italiano Blu e o espanhol Sam3. E a melhor parte é que foi tudo feito em plena luz do dia, com a autorização e o apoio da Câmara Municipal de Lisboa, que retirou a propaganda e os tapumes que escondiam as fachadas dos três prédios que levaram o tratamento de arte na Avenida Fontes Pereira de Melo.

 


Antes, com a propaganda de fachada, literalmente, da autarquia relativamente ao número de prédios recuperados em Lisboa. Estranhamente, estes três prédios ficaram esquecidos nos últimos 5 anos desde a colocação dos cartazes (deve haver alguma história complicada por trás, mas mesmo assim).

Foto: Google Maps


 


E depois. De uma forma perversa, é quase preferível entregar estas fachadas ao graffiti, numa das avenidas mais movimentadas da cidade, do que ver surgir ali mais espaço útil para casas e escritórios.

 


Esta fachada ainda não estava terminada na altura desta fotografia.

 



 


As primeiras fotografias começaram a surgir no Flickr ainda a tinta não tinha secado, aliás, nem a obra estava ainda terminada. Foi assim que fiquei a saber do que estava a acontecer mesmo ao virar da esquina. Este blog tem algumas fotografias fixes do progresso do mural.

 


Uma mostra do trabalho d'Os Gémeos pode ainda ser vista no CCB até 18 de Setembro. De acordo com o Ípsilon, ainda terão passado por Campo de Ourique para pintar um muro, mas não sei mais nada sobre isso.

 

Ainda segundo o Ípsilon, a Câmara de Lisboa conta repetir a experiência e abrir a cidade a mais intervenções deste género.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.